Instituição

  • História
  • Missão, Visão e Valores
  • Orgãos Sociais
  • Documentos Institucionais

A Associação Baptista Ágape é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, reconhecida como Pessoa Colectiva de Utilidade Pública e foi criada por iniciativa da Primeira Igreja Evangélica Baptista de Matosinhos em 14 de Abril de 1997.

A Associação Baptista Ágape é orientada na sua acção de solidariedade social pelos princípios cristãos de amor ao próximo, contidos na Bíblia Sagrada.

A Associação Baptista Ágape tem por objectivo acções de carácter social no apoio a crianças, jovens e idosos e o seu âmbito de acção abrange todo o território nacional e sem descriminação de qualquer natureza.

Para a realização dos seus objectivos a Instituição propõe-se criar e manter: Creches, Jardins de Infância, Actividades de Tempos Livres, Apoio Domiciliário, Centros de Dia, Lares para a Terceira Idade, Clínicas de Geriatria, Acampamentos para Crianças, Jovens e Adultos, Escolas de Ensino Artístico e qualquer outra que vise o bem estar da comunidade.

Esta Associação, em cooperação com a Câmara Municipal de Matosinhos, fez um levantamento das necessidades do Concelho de Matosinhos, concluindo que havia grandes carências com as populações infantis, jovens e idosas.

Analisando as conclusões do levantamento efectuado, a Associação Baptista Ágape (ABA), definiu como prioridade o atendimento aos idosos, através das valências de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário, celebrando acordos com o Centro Regional de Segurança Social do Porto.

A ABA iniciou a sua actividade em 20 de Junho de 1997, na sua Sede, instalações cedidas pela Primeira Igreja Evangélica Baptista de Matosinhos, com as valências de Centro de Dia para Idosos e Serviço de Apoio Domiciliário.

O início foi difícil devido aos parcos recursos económico-financeiros e à falta de experiência nos serviços prestados aos idosos nas duas valências já referidas.

Através de empréstimos particulares e serviço de voluntariado as dificuldades foram superadas.

Seis meses após o início da sua actividade, a Associação foi convidada pela Câmara Municipal de Matosinhos, através da senhora Dra. Palmira Macedo, Vereadora dos pelouros da Habitação e Acção Social, para gerir os equipamentos sociais recém-construídos, na Cruz de Pau, Matosinhos, nas valências de Creche, Jardim de Infância, A.T.L. (Actividades de Tempos Livres), Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário.

Aquele convite foi um desafio enorme para uma Instituição “recém-nascida”.

A Associação aceitou o convite, aproveitando a oportunidade para apoiar mais utentes, sobretudo numa zona da cidade tão problemática como a Cruz de Pau.

O crescimento repentino da ABA, acarretou maior responsabilidade que se traduziu em mais cuidado e qualidade em toda a sua intervenção e qualificação dos seus colaboradores.

A Associação Baptista Ágape celebrou diversos acordos de cooperação com diferentes Entidades e Organismos como a Câmara Municipal de Matosinhos, o Instituto de Emprego e Formação de Matosinhos, o Centro Regional de Segurança Social do Porto, a Unidade Local de Saúde de Matosinhos, o Hospital Pedro Hispano, Faculdade de Psicologia e de Ciências de Educação do Porto, a Clínica de S. Miguel Arcanjo, em Leça da Palmeira, a Associação de Professores Aposentados, a Junta de Freguesia de Matosinhos, a ADEIMA (Associação para o Desenvolvimento Integrado de Matosinhos), a FormAjuda (Gabinete de Formação e Projectos da Ajuda, Lda.), o Instituto Português de Juventude, no âmbito do Programa Ocupação de Tempos Livres, Escola Secundária Gonçalves Zarco, entre outras, tendo como objectivo corresponder às necessidades das populações.

A Associação Baptista Ágape constitui-se, ainda, como Empresa de Inserção, dando resposta a muitas solicitações do I.E.F.P. e Entidade acreditada pelo INOFOR (Instituto para a Inovação na Formação).

Em 2004, a harmonia e o crescimento da Associação Baptista Ágape foram interrompidos, quando algumas pessoas, que se fizeram passar por directores, provocaram roturas internas, geraram conflitos entre associados e levaram a zangas entre os funcionários, obrigando o recurso aos tribunais.

Foi, de facto, um período muito mau.

Por decisão dos tribunais, a legítima direcção retomou as suas funções em Abril de 2006.

A Associação esteve na iminência de encerrar. Só não aconteceu, graças à confiança depositada na direcção pelo senhor Director da Segurança Social e pela senhora Vereadora da Acção Social da Câmara Municipal de Matosinhos.

Não havia dinheiro nas contas da Associação, não havia equipamentos no interior das instalações, não havia viaturas para prestar o apoio domiciliário. Havia sim, vontade dos directores e colaboradores em trabalhar com os idosos e crianças.

Graças à generosidade de vários particulares e empresas, a ABA foi adquirindo os bens que necessitava para o exercício da sua actividade.

Reiniciou-se o árduo trabalho de credibilização e recuperação da ABA no cumprimento dos seus objectivos.

Existem ainda alguns problemas pendentes, que não impedem a prossecução da actividade da ABA, através do bom desempenho de todos os seus colaboradores e dirigentes.

O trabalho desenvolvido pela Associação Baptista Ágape continua a ser de servir a comunidade.

Foram incrementadas várias actividades, em período pós-laboral, envolvendo a comunidade promovendo o seu bem-estar e a interacção. As propostas tiveram grande aceitação tendo como participantes  nas diferentes actividades: Danças de Salão – 42 pessoas; Karate – 46 pessoas; Dança para Crianças – 10 crianças; Hidroginástica – 38 pessoas; Inglês para adultos – 8 pessoas; Língua Gestual – 17 pessoas; Pintura . 4 pessoas; Coral – 15 pessoas; Alfabetização – 1 pessoa; Ginástica – 6 pessoas.  

No seguimento de uma nova orientação da Segurança Social para o funcionamento da valência de A.T.L. a Direcção da ABA reconverteu o A.T.L. em Sala de Estudo dando resposta imediata à preocupação de 42 Encarregados de Educação.

A ABA atende, neste momento, a 41 crianças em Creche, 44 crianças em Jardim de Infância, 35 crianças em Sala de Estudo, 27 idosos em Centro de Dia, 44 idosos em Serviço de Apoio Domiciliário e 30 idosos em Serviço de Apoio Domiciliário Integrado.

A Associação Batista Agape procura a cada momento implementar melhor qualidade nos serviços prestados proporcionando a todos os seus colaboradores (49) diversas acções de formação.

A Associação é parte integrante de numa comunidade carenciada e o seu objectivo é proporcionar-lhe melhor qualidade de vida e satisfação.

A Associação Baptista Ágape tem por objectivo acções de carácter social no apoio a crianças, jovens e idosos e o seu âmbito de acção abrange todo o território nacional e sem descriminação de qualquer natureza.

Para a realização dos seus objectivos a Instituição propõe-se criar e manter: Creches, Jardins de Infância, Actividades de Tempos Livres, Apoio Domiciliário, Centros de Dia, Lares para a Terceira Idade, Clínicas de Geriatria, Acampamentos para Crianças, Jovens e Adultos, Escolas de Ensino Artístico e qualquer outra que vise o bem estar da comunidade.

A Associação Baptista Ágape é orientada na sua acção de solidariedade social pelos princípios cristãos de amor ao próximo, contidos na Bíblia Sagrada.

Assembleia-Geral:

Presidente – Manuel Pinto Guedes

Primeiro Secretário – Laura Maria Fontes Pina Leite

Segundo Secretário – Maria Cristina Alves da Silva Real Reynal

 

 

Direcção:

Presidente – Paulo Manuel Taveira Reynal

Vice-Presidente – Rricardo André Real Reynal

Tesoureiro – Henrique Adelino Vieira Costa

Secretário – Maria da Graça Lima de Oliveira Costa

Vogal – Marta Catarina Reynal Marques

 

 

Conselho Fiscal:

Presidente – Lídia Maria Taveira Reynal Marques

Vogal – Tiago Henrique Oliveira Costa

Vogal – Liliana Cristina Fonseca de Almeida

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais